Ksar de Ait-Ben-Haddou | O Alcácer mais bem preservado de Marrocos

By |2020-02-09T13:27:20+00:00Fevereiro 7th, 2020|

O Ksar de Ait-Ben-Haddou foi o motivo da nossa segunda paragem entre Marraquexe e o deserto de Zagora. Cerca de duas horas depois de termos partido de Télouet, chegámos à vila fortificada (Ksar), um local eternizado nos filmes de Hollywood e em séries de culto. A velha cidade, que se impõe numa das margens do rio Unila, foi o local escolhido para gravar cenas da Guerra dos Tronos, Príncipe da Persia, a Múmia, Alexandre ou o galardoado Gladiador.

Kasbah de Télouet, um castelo no Alto Atlas

By |2020-01-31T13:18:52+00:00Janeiro 31st, 2020|

O Kasbah de Télouet foi uma das boas supresas que tivémos na incursão que nos levou de Marraquexe ao deserto de Zagora, através da cordilheira do Atlas. Talvez tenha sido mesmo a melhor, tendo em conta que as expectativas não eram muito altas. Estavamos mais ansiosos por Ait-ben-haddou, Ouarzazate e zagora mas foi Télouet que mais nos fez sentir em Marrocos.

Qual é o melhor Souk de Marraquexe?

By |2020-01-13T16:27:41+00:00Janeiro 11th, 2020|

É impossível pensar em Marrocos e não pensar em mercados (souks), artesanato incrível, vendedores chatos, e na muita paciência que é necessária para fazer um bom negócio. Ainda assim, este não deixa de ser um dos maiores apelos para os turistas que visitam a cidade. Por isso, impõem-se a questão, "qual é o melhor souk de Marraquexe?".

Madraça Ben Youssef , o Maior Colégio Islâmico de Marrocos

By |2020-01-29T17:39:28+00:00Janeiro 5th, 2020|

A Madraça Ben Youssef é, de forma inquestionável, um dos símbolos de Marraquexe e, no contexto do país, um símbolo do islamismo. Para contextualizar, um Madraça é um colégio teológico de estudos islâmicos. Esta, fundada no século XIV, terá sido a maior e mais relevante no Norte de Africa. Não é, por isso, de admirar a importância que lhe é atribuída.

Jardim Majorelle em Marraquexe. O oásis onde repousa Yves Saint Laurent.

By |2020-01-13T16:36:34+00:00Dezembro 12th, 2019|

O Jardim Majorelle em Marraquexe foi um dos locais, entre aqueles que visitámos na cidade, sobre os quais tínhamos mais expectativas. Se é verdade que nos surpreendeu pela positiva. Em algumas coisas nem tanto. O espaço destaca-se, numa cidade árida e dominada pelo ocre, pelo verde luxuriante das mais de 3000 espécies botânicas que o compõem, por uma construção lindíssima e pelo museu berbere.

Ver mais artigos